Colesterol alto é genético?

Nem sempre! O Colesterol alto costuma ser uma condição adquirida ao longo da vida em decorrência de hábitos pouco saudáveis. Mas, existe uma condição chamada de hipercolesterolemia familiar,  conhecida popularmente como colesterol alto familiar. É uma condição hereditária, crônica, em que o paciente apresenta o colesterol alto desde a infância. Ela acontece por uma alteração genética que faz com que o fígado não consiga trabalhar o suficiente para remover o  colesterol ruim do sangue.

Os principais sintomas costumam ser:

  • Nódulos de gordura nos tendões, principalmente nos tornozelos e dedos.
  • Alterações nos olhos, como opacidade;
  • Bolinhas de gordura na pele, principalmente nas pálpebras, os chamados xantelasma;
  • Taxas aproximadas de 290 mg/dl de colesterol total ou mais de 190 mg/dl de colesterol LDL.

O tratamento consiste em adoção hábitos saudáveis, como exercícios e boa alimentação, e medicação prescrita por um cardiologista.

E você? Já avaliou seu colesterol este ano?

__

​Dra. Luciana Bamonte – Grancor Cardiologia 

​Médica Cardiologista

​CRM/SP 115653 

www.grancorcardiologia.com

Consultório São Paulo ​11. 3456-3144 | 11. 97542-9929

Consultório Granja Viana: 11. 4702-0626 | 11. 93290-0702

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: